JBCULTURA

NOTÍCIAS, JOGOS AO VIVO E PALPITES DE FUTEBOL

Arrecadação da Prefeitura foi de R$ 264 milhões no primeiro quadrimestre – Prefeitura Municipal de Ubatuba

A Prefeitura de Ubatuba fechou o primeiro quadrimestre de 2024 com uma arrecadação de R$ 264.175.747,16, um acréscimo de R$ 42,8 milhões em relação ao mesmo período do ano passado, o que corresponde a um aumento de 19,30%. Os dados foram apresentados pela Secretaria de Fazenda e Planejamento durante a audiência pública realizada na quinta-feira (23) para a prestação de contas de janeiro a abril, realizada no Teatro Municipal Pedro Paulo Teixeira Pinto e transmitido ao vivo pelas redes sociais da prefeitura.

O relatório detalhou as receitas e as despesas municipais, apresentando um comparativo com as informações dos últimos quatro anos. O destaque foi para o aumento nas arrecadações do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) que alcançou o valor de R$ 64.050.987,26; seguido pelo Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS) que somou 12.569.134,77; e pelo Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) com R$ 7.919.164,17.

A participação do Estado nas receitas municipais no primeiro quadrimestre ficou em R$ 70.491.682,06 com valores recebidos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) e do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS). Da União, foram recebidos R$ 40.342.341,18, com verbas do Sistema Único de Saúde, Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

Também merece destaque a receita oriunda da Taxa de Preservação Ambiental (TPA), que somados os quatro primeiros meses deste ano ficou em R$ 19.568.567,57. O secretário adjunto da Fazenda e Planejamento, Benedito Altair dos Santos, lembrou que o recurso da TPA é repassado ao Fundo de Meio Ambiente que faz a gestão coletiva com o Conselho Municipal de Meio Ambiente e juntos definem a aplicação da verba.

Sobre as despesas, o valor empenhado ficou em R$ 388.099.715,07, sendo os maiores investimentos em Saúde, com R$ 97.463.632,77; Educação R$ 81.132.787,57; Infraestrutura R$ 77.843.739,42; e Obras R$ 38.908.789,28. Outro gasto considerável são os valores pagos pela coleta e transbordo de resíduos sólidos que somaram R$ 13.402.161,76.

A apresentação também abordou um resumo das principais atividades fazendárias do quadrimestre, que registrou 121 dias de fiscalização; 124 notificações realizadas; 17 interdições; 50 apreensões; abertura de 381 novas empresas; cadastro de 790 novos imóveis; e 2.199 atendimentos presenciais.

A audiência atende à Lei de Responsabilidade Fiscal e a apresentação da prestação de contas está disponível na íntegra no Portal da Transparência em: https://gpmodubatuba.presconinformatica.com.br/gpmodubt/f?p=104:0:17371543841563:APPLICATION_PROCESS=GET_FILE_FOLDER:NO::ID_DOCUMENTO:2582

Prestação de Contas da Saúde

A Secretaria Municipal de Saúde realizará nesta segunda-feira, dia 27, uma audiência pública de prestação de contas do primeiro quadrimestre de 2024. A apresentação das receitas e despesas da pasta, referentes aos meses de janeiro a abril, acontecerá às 17h, no Teatro Municipal Pedro Paulo Teixeira Pinto. A audiência é aberta à população.