JBCULTURA

NOTÍCIAS, JOGOS AO VIVO E PALPITES DE FUTEBOL

Prefeitura implementa projeto voltado ao cuidado e valorização dos agentes de combate às endemias – CGNotícias

A Prefeitura Municipal de Campo Grande,  por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), implementou o Projeto de Atenção Integral à Saúde dos Trabalhadores Agentes de Combate à Endemias (ACE).  A iniciativa lançada nesta quinta-feira (16) visa promover o bem-estar e fortalecer a atuação dos profissionais na prevenção de doenças endêmicas.

A prefeita Adriane enalteceu o trabalho realizado pelos agentes de endemias que atuam diuturnamente em prol da saúde da população. “Estes profissionais desempenham um papel crucial na saúde pública e é necessário haver essa valorização e cuidado”, enfatiza.

Para a secretária municipal de Saúde, Rosana Leite de Melo, a estabilização dos casos de doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti em Campo Grande é resultado do trabalho dos agentes de endemias, em conjunto com os agentes comunitários de saúde.

“Quando nos questionam sobre os motivos que elevam Campo Grande ao status de referência no combate à dengue, não resta dúvida que os agentes são os principais atores neste processo. Afinal, eles são a linha de frente. Estão dia a dia nas ruas, orientando a população, eliminando os focos e esse resultado que vemos hoje é fruto deste trabalho”, diz.

Agente de endemias há 11 anos, Emília Mariel Joliveira Pinto destaca a importância do reconhecimento e valorização da categoria. ” Eu fiquei muito feliz com o reconhecimento, porque é muito difícil esse nosso trabalho. E sei que todos trabalham com amor, com carinho, e todos eles merecem também esse reconhecimento. Então, esse certificado que recebi hoje não é só meu, é de todos os agentes de saúde e endemias”. Durante o lançamento do projeto, os agentes de endemias foram homenageados.

Regulamentados pela Lei 11.350/2006, os ACEs desempenham um papel crucial na saúde pública, realizando vistorias, aplicando larvicidas e orientando a comunidade sobre medidas preventivas. No entanto, a formação e o desenvolvimento contínuo desses trabalhadores ainda carecem de atenção.

O Projeto de Atenção Integral abrange diversos componentes essenciais para o cuidado e aprimoramento dos ACEs. Entre eles, destacam-se o acolhimento e escuta qualificada, capacitações e psicoterapias individuais, grupos operativos e projetos específicos, e cuidados com a saúde ocupacional, incluindo exames periódicos conforme o Programa Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO).

O objetivo do projeto vai além do bem-estar individual dos ACEs, buscando fortalecer sua capacidade de atuação preventiva nas comunidades. Com isso, a Sesau visa contribuir para uma saúde pública mais eficaz e um ambiente de trabalho mais saudável e sustentável.

#pratodosverem

Foto1: Plateia com agentes de endemias
Foto2: Mesa expondo novos uniformes e equipamentos de trabalho dos agentes
Foto3: Secretária Municipal de Saúde em discurso para os agentes.
Foto4: Prefeita Adriane Lopes entregando homenagem a um agente, acompanhada de outra servidora municipal da Saúde.
Foto5: Servidores da Saúde apresentando aos agentes novas etapas do projeto.
Foto6: Servidora explicando aos agentes cuidados com a saúde.